IRPF 2017: programa muda; checagem de documento segue importante

Atualização automática do programa e entrega sem necessidade de instalação do Receitanet. Estas são as principais alterações na Declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física 2017.
O anúncio foi feito pelo supervisor regional do Imposto de Renda, Valter Koppe, em palestra realizada no último dia 20, no auditório da Receita Federal, em Limeira. Rendimentos isentos e não tributáveis, além de rendimentos sujeitos à tributação exclusiva/definitiva, também terão novidades, segundo Koppe.

Dirigentes da Receita, APECL, Sescon e CRC durante a palestra

Para escritórios e profissionais contábeis, além de atualização automática do programa, segue como fundamental que ocorra a apresentação dos documentos do contribuinte. Isso evitará, em parte dos casos, que esse contribuinte caia na “malha fina”.
Gratuita, a palestra esclareceu dúvidas que auxiliarão contribuintes e contabilistas na entrega do documento. Cerca de 110 pessoas participaram da apresentação, que já é uma tradição na Delegacia da Receita Federal de Limeira – são mais de 20 anos em que a palestra ocorre nesse período início de envio do imposto.

Além da Receita Federal, a organização coube à Associação Profissional das Empresas Contábeis e Contabilistas de Limeira (APECL), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo (Sescon SP) e Conselho Regional de Contabilidade (CRC-SP).

Acompanhamento do contabilista

Para a presidente da APECL, Nilva Leme Santos, a busca de informações se torna maior. Contabilistas buscam o aprimoramento em relação à entrega ocorrida no ano passado. O mesmo ocorre com os contribuintes.
Nilva recomendou que, mesmo que a pessoa elabore sua declaração, o conjunto de informações seja analisado por um profissional contábil antes do envio.
Para o delegado da Receita em Limeira, André Dalle Vedove Barbosa, eventos como esses são importantes também para a orientação dos profissionais e dos contribuintes.
Valter Koppe citou os novos procedimentos. Segundo ele, agora, o Receitanet vem dentro do programa da Receita Federal para envio de informações do Imposto de Renda 2017. Porém, também destacou a relevância da checagem dos documentos antes do envio.
Já o diretor regional do Sescon, Antônio Ademir Bobice, e o vice-presidente da APECL, Odair Bonfliglio, destacam a conexão das entidades com o cotidiano de seus associados, trazendo informações relevantes. Na palestra, o CRC foi representado por Paulo Vilalta Neto.

Assista aos vídeos
. Fala de Nilva Leme Santos – clique aqui
. Fala do delegado da Receita Federal, André Dalle Vedove – clique aqui
. Valter Koppe comenta as mudanças no IR – clique aqui.
. Antônio Ademir Bobice (Sescon) e Odair Bonfiglio (APECL) abordam a atualização profissional – assista aqui.

(Atualização) Na manhã deste dia 22/02, a Receita Federal divulgou novas informações sobre o IRPF, em nível nacional. Clique Aqui

Compartilhe:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA AGORA

Notícias similares

CARTA ABERTA AOS CANDIDATOS (AS) DE LIMEIRA

A APECL- ASSOCIAÇÃO PROFISSIONAL DAS EMPRESAS CONTÁBEIS E CONTABILISTAS DE LIMEIRA é uma Associação Civil sem Fins Lucrativos, que representa os Escritórios Contábeis e Contabilistas